Pesquisar este blog

domingo, 15 de janeiro de 2017

POR QUE NÃO CURTIR O VERÃO DE 17 EM PORTO DE GALINHAS?

Para quem ainda não sabe, o mundo é dos inocentes, uma das primeiras áreas do Brasil ocupada pelos portugueses, Pernambuco, foi palco de uma tragédia social chamada escravidão e também os portugueses que não souberam traçar planos para uma cidade cosmopolita como Recife e Olinda poderiam ter sido; quando os holandeses chegaram ao lugar (1630-1654, e mandaram Nassau, príncipe alemão, organizar o lugar junto com os judeus (que depois se mandaram para a América do Norte e compraram Manhattan dos índios de lá, por 30 dólares e fizeram o,que queriam fazer no Recife antes de caírem fora) o local até tomou um impulso notável, os holandeses trouxeram, dentre tantas desgraças coloniais, uma coisa boa: uma espécie de Renascimento tardio, numa terra de banzo, escravidão, matança de índios, roubos etc.   Pernambuco tornara-se um grande produtor de açúcar e durante muitos anos foi responsável por mais da metade das exportações brasileiras. Essa riqueza atraiu novos colonos europeus que construíram no estado um dos mais ricos patrimônios arquitetônicos da América Colonial.

Esta introdução foi pra dizer isto: caríssimos, hoje passei mais um dia numa das delícias que sobraram de Pernambuco que nem os pernambucanos conseguiram destruir com sua fúria canibal: Porto de Galinhas, que tem este nome, dizem por ter sido porto clandestino de escravos (quando chegava “carga” nova diziam: chegaram as galinhas! Olhem só: mais injustiça na nossa combalida história tão carente de heróis como Frei Caneca, Tiradentes, Zumbi, Chico Science etc.). Também tem uma versão assim: Antigamente, Porto de Galinhas era chamada Porto Rico, devido à extração de Pau Brasil. Quando os escravos chegavam para serem vendidos, contrabandeados, vinham escondidos embaixo de engradados de galinhas d'angola. A chegada dos escravos na beira mar era anunciada pela senha "Tem galinha nova no Porto!". Por causa disso, Porto Rico ficou conhecida como Porto das "galinhas". Daí surgiu o nome Porto de Galinhas. TAMBÉM TEM OUTRA, MAIS ABSURDA: Segundo a outra versão, o nome teria derivado de uma etnia africana chamada Peuhl, a qual pertencia muitos dos escravos que desembarcavam no sul de Pernambuco no século 16. Mal-interpretada foneticamente, Peuhl virou Poule – em francês, galinha (risos e sisos à parte). Porto tem essa história peculiar: No século XV, em plena descoberta do Brasil, o lugar era habitado pelos índios Caetés, onde predominou o tráfico do pau-brasil. Daí em diante, até o final do século XVI, o lugar foi abandonado porque os índios não deixavam sair madeira nem açúcar. a verdade é que dizem hoje que ESTA PRAIA, localizada a 65 quilômetros de Recife, litoral sul de Pernambuco,  a nossa Porto de Galinhas (Por terra ou mar, os passeios são as grandes atrações de Porto de Galinhas. Os de bugue permitem conhecer grande parte das praias, enquanto as jangadas levam às piscinas naturais repletas de peixes coloridos. Já os barcos apresentam a deserta ilha de Santo Aleixo, perfeita para mergulhos profundos.), ficou tão famosa que ofuscou o nome da cidade a qual pertence, Ipojuca. 


Eu na adolescência acampava lá com meus amigos para surfar, ou então alugávamos uma casa em Maracaípe, delícia e tinha uma senhora que cozinhava pra gente, um barato total, como também foi Gaibu e Calhetas, mas depois eu conto esta parte, tá bom?  (Moisés Monteiro de Melo Neto)

Quando em Porto, relaxe, vá a um Café, um restaurante, fique tirando onda à beira-mar, de bobeira, mas bem ligado nos lances, entendeu? Lá rola de tudo, festinhas, dancing bars, Tem lanchonetes incríveis; o pessoal se organiza para as coisas mais variadas e já estão acostumados com turistas (coisa complicada ainda na terra de Capiba, João Cabral de Melo Neto, Manuel bandeira, terra onde Clarice Lispector passou infância e parte da adolescência e tantas outras coisas boas.

VENHA CURTIR PORTO DE GALINHAS, um passeio de jangada faz bem para a alma e para o corpo



Um beijo pra vocês, caríssimos leitores deste blog (Moisés Neto)



Porto de Galinhas é point de artistas incríveis, gente que admiro muitíssimo e da qual sinto saudade:



Nenhum comentário:

Postar um comentário